- esquecida.

Ela procurou e não achou; buscou e não encontrou. As respostas não foram dadas. Está sem lembranças, sem chão. Sua cabeça está confusa e ninguém pode ajudá-la. Agora, presa em seus pensamentos, seu mundo está condenado a destruição da eternidade. Seu corpo dói, a tristeza a invade. A solidão, sua amiga, está presa em seu ombro; sua verdadeira companheira. Ela caiu e não conseguiu levantar; ali jogada, nem a morte a queria.
"Ela está perdida; acorrentada dentro de si."

0 comentários:

Postar um comentário