- meu tudo.


Às vezes vem a lembrança, mas eu louvo um cântico e se vai. Às vezes grita e eu faço calar. Às vezes escorre dos olhos, mas eu seco. Às vezes cai desacordado, mas me levanto rápido. Às vezes incomoda; finjo que não é comigo. Às vezes me sinto só e recebo um abraço daquEle que sempre estará ao meu lado; e pra mim basta. Antes eu pensava ser impossível, sabe?! Hoje vejo a quantidade de barreiras que foram levantadas por mim. Tão fácil decidir entre a fé, a emoção e a razão... Apenas aceitar a única opção e dizer não; sorrindo sempre.

“Pois a oração é o grito mais alto.”

0 comentários:

Postar um comentário