- onde estou?

Aqueles que eram seus amigos hoje são desconhecidos e seus desconhecidos são, agora, seus amigos. Aqueles que você ama te desprezam e os que você despreza estão atrás de ti. O sol está frio e a lua bem quente. Os insanos estão à solta e os equilibrados estão presos. O silêncio está gritando e a voz calou-se. O abraço está frio e a solidão te aquecendo. O sorriso se apagando e o escuro brilhando. Os jovens velhos, os anciãos voltaram a ser criança. A roda gigante parou, mas o tempo não. Alcanço o infinito, mas o limite está se distanciando. O ontem voltou e o amanhã parece não querer chegar...
“Me encontro em algum lugar paralelo entre a realidade e o sonho.”

0 comentários:

Postar um comentário