- apenas sou.

Tentei escrever coisas sobre Deus, no qual sou fã, amo incondicionalmente e mais que tudo, mas faltaram-me palavras. Tentei escrever coisas sobre família, mas não consegui. Tentei escrever coisas sobre felicidade, mas "ué", onde ela está mesmo? Tentei escrever coisas sobre alma gêmea, mas uma sempre será mais velha que a outra. Tentei escrever coisas sobre o futuro, mas ele sempre será impróprio e imprevisível. Tentei escrever coisas sobre o passado, mas não quero velá-lo mais vez com lágrimas amargas... Tentei escrever coisas sobre desejos sexuais, mas eles estão presos em algum lugar chamado rotina anárquica. Tentei escrever sobre a vida, mas ela está passando tão rápido que quase me atropelou. Tentei escrever de tudo, mesmo. Mas a tristeza, saudade e dores são o que me inspiram. Não me julgue, não sou sombrio. Sou feliz e muito. Apenas deixo elas tomarem conta de mim por um tempo e me idealizo em situações de meus pensamentos. Não tenho controle de todas as escolhas.
"Deixo-as fluir."

0 comentários:

Postar um comentário