- reciproco amor.


Ainda que houvesse a dor, não haveria amor. E mesmo que o dia se estenda, o começo nunca chegará ao fim. O meu coração está em constante conflito. Não sei quem sou nem o que sinto. Preciso sentir o desatino da dor. Um sentimento complexo, me envolveu. E se houvesse amor, não haveria a dor. Então, quem ama não sente dor e quem sente dor não ama? O que é o amor? Amor não é se envolver com a pessoa perfeita, aquela dos nossos sonhos... Não existem príncipes nem princesas, vão por mim. Encare a pessoa amada de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sabendo também de seus defeitos. Dessa, nascerá mil razões para amar. Uma, duas e muitas mais lágrimas tenho perdidas em meu olhar. Tantas tristezas que me cegam e muitos nem chegam a saber... Noites que não espero. Tudo o que tenho a dizer outros muito menos já disseram. Sou um fragmento de algo, que traz ódio, que traz prazer. Quando decidi prender-me a um sentimento, pensei me oferecer ao seu total controle. E quando abri mão da lucidez, unicamente por você me tornei louco. Os meus sorrisos e minhas lágrimas desfilam nessa sinceridade, perfuradas por lanças chamadas saudades. Então abraçarei o sentimento de saudade, porque tudo que seremos, depende da força do agora. Então sejamos felizes independente de tudo, assim, nosso interior se ensolará, independentes de quais querem tormentas. Mas sabe o que eu queria mesmo? Roubar seu coração, totalmente pra mim, só pra mim, com um único olhar de forma que não consiga respirar, viver sem mim. Mas isso é impossível, pois a frieza das suas perspectivas afetam seus sentimentos. E enquanto o amor não chega, devo me apegar em saber como amar, para ser suficientemente bom. Mas se um dia acordares de onde estás e vires que o amor é mais do que esperar os dias passarem, espero que não seja suficientemente tarde...

0 comentários:

Postar um comentário