- meus sonhos não são tão vazios.


E eu entendo-te em querer procurar a felicidade ao lado de outra pessoa e, pode parecer estranho, mas te apoio, sabe?! Sei que pra você a popularidade e o interesse sempre foi maior que qualquer coisa e sei que tentei mudar-te, mas não consegui. Entretanto sua felicidade pra mim é o que mais importa, pois “tudo é relativo quando [...]”. Mas e se essa pessoa falhar? E se ela não fizer-te bem? E se fizer-te infeliz? E se fizer-te chorar ou sofrer? Eu não suportaria, sabe?! Talvez eu nem precise ouvir você gritar, pois eu sentiria sua necessidade e logo sairia correndo pra você, para salvar-te de novo; para mostrar-te a felicidade novamente. Mas e se teu orgulho, como sempre gritou, gritasse mais alto e não permitir eu entrar? E nas noites frias quem iria abraçar-te? E se numa tempestade, temer o escuro, quem socorrer-te-á? Juro que estou sem saber o que fazer, pois estou vivendo sim, mas sabe quando fica faltando algo? É... eu sei o quanto é chato e perturbador alguém ficar insistindo em algo que a outra pessoa não quer, mas se é o que eu quero, tendo você como um objetivo, terei que enfrentar sentimentos e pessoas para tentar conquistar-te novamente, mas agora parece estar feliz e finalmente conseguiu apaixonar-se por completo. Agora sabe como me sinto, tipo, sem chão quando não está ao lado de seu amor? Olhar para o lado da cama e sentir o vazio ao invés do seu amor? Sem mais dramas, quando vejo sua foto eu sinto o seu cheiro e o calor dos seus lábios. Eu estou sentindo-me enfraquecido, mas quero acreditar, pelo céu que reina sobre a Terra, que “nós” ainda não morreu, e mais cedo ou mais tarde vou te ver novamente, sendo que, mesmo que isso, pelo menos pelo seu lado, sinto que talvez não aconteça, mesmo assim ainda quero continuar acreditando. Eu só quero que você saiba que eu ainda me importo e que sinto sua falta.


“Sei que nunca gostou quando eu falava assim, mas ainda continuo precisando de você.”

0 comentários:

Postar um comentário