- caminhando.


E num piscar de olhos percebi que estava ali... Meio sem jeito e com vergonha. Olhava para um lado e olhava para o outro, mas parecia que nada enxergava a não ser sua timidez. Foi quando eu olhei-te e tu olhaste-me e houve a transição. Eu interessado em ouvir sua voz e você na minha. Tu puxavas a manga da minha blusa quando queria atenção e apenas de eu olhar-te sentia sua satisfação. Em minha cabeça passou milhões de coisas diferentes. Queria teu beijo, mas estamos em mundos diferentes. Queria teu abraço, mas qual seria a desculpa? Foi quando eu percebi que ter-te ali era o que eu queria; comigo. Foi o que eu queria e foi o que eu precisava... Uma pessoa amiga! Não digo que ainda não quero beijar-te, mas digo que não pretendo isso. Eu necessito do seu ar e você necessita do meu também; uma conexão. E não tem nada melhor que o conforto de sua mão...

“E será nos momentos tristes e felizes, pois tu és parte da minha direção.”

0 comentários:

Postar um comentário