- hoje.

Tropecei, caí e pensei em razões por isso; acho que o silêncio invadiu. Por mais que eu tente entender eu não posso alcançar tudo, nem controlar, nem ter as melhores escolhas. Fiz parte da angustia do dia e subtonei as notas; essa foi parte da minha tarde e minha noite. A verdade é que a cada dia que nasce é um aprendizado que é altamente selecionado a dedo por alguém, imposto para nós e resultando apenas no convencimento da realização desse aprendizado; vou pensar em algo bom nesse restinho de noite. As palavras não me levaram para trás, elas me fizeram lembrar de seus olhos; ou a falta deles. Esqueci de tudo e me perdi novamente. Viajei até as estrelas e elas me contaram um segredo, antes não revelado a ninguém. Elas me disseram, não sendo um segredo mais, que o amor nos machuca, nos faz feliz, nos tortura, nos distrai, nos abandona, nos encara, nos completa e nos decepcionam; apenas não existe o amor perfeito... Apenas aqueles que nos faz sorrir. E mais uma vez acordarei sem você aqui, com isso meu sorriso se esconderá dentre os pensamentos da madrugada, juntamente com os olhos abertos, te procurando.
“Hoje destemido e incompleto”.

1 comentários:

vaiper disse...

saiba que o hoje existe que o amor e tudo e ao mesmo tempo nada, ele vai ter o valor que você der a ele, que na próxima esquina alguém pode esta esperando você ou que pode se passar dias antes de realmente encontra a pessoa certa, feche os olhos e pense em tudo que ja viveu na infância de brincadeiras, nos amanhecer com seus pais, nas festas de família, no primeiro beijo, no livro que voce leu e nao conseguiu esguecer, no filme que te fez rir e veja que tem muito mais na vida que ha coisas a serem descobertas, pessoas a serem encontradas, nao se perca na madrugada so faça ela se torna sua amiga, faça ela te mostra um novo caminho.

Postar um comentário