- déjà vu.


Como se não se opusesse ao acaso você me surpreendeu. Foi diferente, foi especial... É o medo e o desejo andando juntos. O grito e o silêncio. Quando estou perto de você, meus limites se tornam liberdade; meus sonhos, realidade. Mas, pra que sonhar se acordado posso ter você? Ahh é... Não estamos muito bem ainda. Estamos em um lugar secreto onde não podemos ouvir a multidão. Você pega em minhas mãos e eu sinto a plena satisfação de te ter ao meu lado. Antes eu tinha medo de me perder, mas me encontrei ao seu lado. Eu tinha medo de não pertencer a ninguém, mas hoje sei que nós pertencemos um ao outro; você apenas se esqueceu, mas o tempo te dirá novamente.


“Mas não importa o quanto longe ou onde você possa estar. Eu apenas fecho meus olhos e você está nos meus sonhos; e lá você estará até nos encontrarmos.”

0 comentários:

Postar um comentário