sexta-feira, 20 de agosto de 2010

- o último encontro.


Muita coisa pode acontecer em um ano, sabe?! Sempre fomos amigos, talvez até os melhores. Andávamos juntos sempre que podíamos ou não; mas dávamos um jeito. Sonhar e esperar não bastou e precisei ir até seu ser, para encontrar-te e desperdiçar um ou até mesmo dois finais de semana, mesmo eu não podendo, só para te contemplar, só para te fazer sentir melhor, só para te completar, só para realizar-me. Um dia mais próximo, outro mais distante, esperando apenas as obrigações terminarem para reencontrar-te novamente, com o sorriso no rosto e pensamentos voltados para ti. Mas o tempo foi problema, os pensamentos uma obrigação e, infelizmente, as chamas de uma amizade que, poderia ser mais eterna que o próprio universo, foram se apagando. Hoje eu estou aqui e você aí. Antes éramos “nós”, hoje somos “eu e você”. Apenas uma fase, apenas um momento... não sei. Conto com o tempo para que ele traga respostas possíveis já que ele é um dos donos da verdade; e da forma que ele revelar, eu aceitarei e calarei.


“Talvez, algum dia, farei com que tudo fique bem, mas não agora..."
PS.: Feliz um ano!

Um comentário:

  1. Sentimentos lindos, amor, saudade, nostalgia.
    Tu escreve bem, muito bem.

    ResponderExcluir